Deuteronômio Capítulo 22

  1     2   3    4     5    6    7     8    9  10   11   12  13   14  15 

16  17   18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30

31  32  33  34

Deuteronômio Capítulo 22 - (Dt)

  1. Vendo extraviado o boi de teu irmão, ou a ovelha, não passarás por eles indiferente; sem falta os restituirás a teu irmão.
  2. Se teu irmão não estiver perto de ti, ou não o conheceres, levarás o animal para tua casa, e ficará contigo, até que teu irmão o exija, então lho restituirás.
  3. Do mesmo modo farás com o seu jumento; o mesmo farás com o seu vestido; e assim farás com toda a coisa perdida que teu irmão tiver perdido, e tu achares; não ficarás indiferente.
  4. Vendo o jumento de teu irmão, ou o seu boi, caídos no caminho, não passarás por eles indiferente; sem falta o ajudarás a levantá-los.
  5. A mulher não trará traje de homem, nem o homem vestirá o vestido de mulher, porque aquele que faz estas coisas é abominável a Jeová teu Deus.
  6. Se de caminho encontrares numa árvore ou no chão o ninho duma ave com filhinhos ou ovos, e a mãe posta sobre os filhinhos ou sobre os ovos; não apanharás a mãe com os filhinhos;
  7. sem falta deixarás ir a mãe, porém poderás tomar para o teu uso os seus filhinhos; para que te vá bem, e para que prolongues os teus dias.
  8. Quando edificares uma casa nova, farás um parapeito no teto, para que, se alguém dali cair, não tragas sangue sobre a tua casa.
  9. Não semearás a tua vinha com duas espécies de semente, para que não se corrompa todo o produto, tanto da semente que semeaste como da novidade da vinha.
  10. Não lavrarás com boi e asno juntamente.
  11. Não te vestirás de coisa que seja tecido de lã e de linho.
  12. Fímbrias porás nos quatro cantos da tua capa com que cobrires.
  13. Se um homem casar com uma mulher e, depois de coabitar com ela, a aborrecer,
  14. e contra ela fizer alegações arbitrárias, e divulgar uma má fama contra ela, e disser: Casei-me com esta mulher, e quando fui deitar-me com ela, não achei nela os sinais da virgindade;
  15. o pai da moça e sua mãe tomarão os sinais da virgindade da moça e os levarão aos anciãos da cidade à porta.
  16. O pai da moça dirá aos anciãos: Dei minha filha por mulher a este homem, e ele a aborrece;
  17. eis que contra ela tem feito alegações arbitrárias, dizendo: Não achei em tua filha os sinais da virgindade. Todavia, estes são os sinais da virgindade de minha filha. Estenderão a roupa na presença dos anciãos da cidade.
  18. Então os anciãos daquela cidade tomarão o homem e o castigarão;
  19. e multá-lo-ão em cem siclos de prata e os darão ao pai da moça, porque divulgou má fama contra uma virgem de Israel. Ela ficará sendo sua mulher, e ele não a poderá repudiar por todos os seus dias.
  20. Porém, se isto for verdadeiro, a saber, que não se acharam na moça os sinais da virgindade;
  21. tirarão a moça até a porta da casa de seu pai, e os homens da cidade a apedrejarão, até que morra; porque cometeu uma loucura em Israel, fornicando na casa de seu pai. Assim exterminarás o mal do meio de ti.
  22. Se um homem se achar deitado com uma mulher que tenha marido, morrerão ambos eles: o homem que se deitar com a mulher, e a mulher. Assim exterminarás de Israel o mal.
  23. Se a uma moça virgem que for desposada, um homem a achar na cidade e se deitar com ela;
  24. trareis ambos à porta daquela cidade, e os apedrejareis até que morram: a moça, porque, estando na cidade, não gritou: e o homem, porque humilhou a mulher do seu próximo. Assim exterminarás o mal do meio de ti.
  25. Porém, se o homem achar no campo a moça que é desposada, e pegar nela e se deitar com ela; então morrerá somente o homem que se deitou com ela;
  26. mas à moça, não lhe farás nada. Não há na moça pecado digno de morte, porque como no caso do homem que se levanta contra o seu próximo, e lhe tira a vida, assim também é este caso;
  27. pois a achou no campo. A moça desposada gritou, e não houve quem a livrasse.
  28. Se um homem achar uma moça que é virgem e não é desposada, e pegar nela e se deitar com ela, e forem apanhados;
  29. o homem que se deitou com ela dará ao pai da moça cinqüenta siclos de prata, e ela ficará sendo sua mulher, porque a humilhou. Não a poderá repudiar por todos os seus dias.
  30. Um homem não tomará a mulher de seu pai, e não levantará o vestido de seu pai.

<<Anterior  <<                                                                                                                   >>  Próximo >>

Publicidade



Biblia Online Deuteronômio Capítulo 22
Deuteronômio Capítulo 22

Características de:

Deuteronômio Capítulo 22

  • Deuteronômio: Este nome vem derivado das palavras gregas, "deuteros", que significa "segunda", e "nomos", "lei".

Deuteronômio é a repetição das leis proclamadas no Sinai, com um chamado em especial à obediência, mesclado com a lembrança das experiências da geração passada.

  • Escrito por: Moisés no período aproximado entre 1406 - 1405 a.C.
  • Local do Acontecimentos: Planícies de Moabe.
  • Pontos Principais: Pensando no bem da nova geração de Israelitas este livro descreve o momento onde foi necessário ajudar o povo de Deus a recapitular tudo aquilo que Deus já havia feito o que Deus tinha prometido pra eles.
  • Curiosidade: Em Deuteronômio ocorre três sermões proféticos de Moisés; Ocorre a morte e sepultamento de Moisés e Deus designa Josué com seu sucessor (31: 1-29)

Em breve mais informações de Deuteronômio Capítulo 22:

Publicidade