Jeremias Capítulo 3

  1     2   3    4     5    6    7     8    9  10   11   12  13   14  15 

16  17   18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30

31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  44  45 

46 47  48  49  50  51  52

Jeremias Capítulo 3 - (Jr)

  1. Dizem: Se um homem repudiar a sua mulher, e ela o deixar e tomar outro marido, porventura tornará ele mais para ela? acaso não será aquela terra grandemente contaminada? Mas tu te hás prostituído a muitos amantes? e pensas tu em voltar para mim? diz Jeová.
  2. Levanta os teus olhos aos altos escalvados, e vê: onde é o lugar em que te não hás prostituído? Junto aos caminhos te sentaste, esperando-os, como um árabe no deserto; e manchaste a terra com as tuas fornicações e com a tua malícia.
  3. Portanto foram retidos os chuveiros, e não houve chuva tardia; tiveste a fronte duma prostituta, e não quiseste ter vergonha.
  4. Acaso não clamarás a mim desde agora, dizendo: Pai meu, tu és o guia da minha mocidade?
  5. Reterá ele a sua ira para sempre? ou conservá-la-á até o fim? Eis que assim falaste, mas fizeste coisas ruins, e continuaste nelas.
  6. Jeová disse-me nos dias do rei Josias: Viste, porventura, o que fez a apóstata Israel? ela foi-se acima de todo o alto monte e debaixo de toda a árvore frondosa, e ali se entregou à fornicação.
  7. Depois de ter feito todas estas coisas eu disse: Ela voltará para mim, contudo ela não voltou. A sua aleivosa irmã Judá viu isto,
  8. sim viu que, por este motivo, a saber, por ter cometido adultério a apóstata Israel, eu a repudiara e lhe dera carta de divórcio, contudo a sua aleivosa irmã Judá, não temeu, mas também ela se foi e se entregou à fornicação.
  9. Pela facilidade da sua prostituição contaminou ela a terra, e adulterou com pedras e com paus.
  10. Apesar de tudo isto a sua aleivosa irmã Judá não voltou para mim de todo o seu coração, mas fingidamente, diz Jeová.
  11. Disse-me Jeová: A apóstata Israel mostrou-se mais justa do que a aleivosa Judá.
  12. Vai, e apregoa estas palavras para a banda do norte, e dize: Volta, apóstata Israel, diz Jeová. Não olharei em ira para ti: porque eu sou compassivo, diz Jeová, e não conservarei para sempre a minha ira.
  13. Tão somente reconhece a tua iniqüidade, reconhece que transgrediste contra Jeová teu Deus, e perverteste os teus caminhos aos estranhos debaixo de toda a árvore frondosa, e não obedeceste à minha voz, diz Jeová.
  14. Voltai, filhos apóstatas, diz Jeová; porque eu sou vosso esposo. Eu vos tomarei um de cada cidade, e dois de cada família e vos levarei a Sião.
  15. Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com ciência e com inteligência.
  16. Quando vos multiplicardes e crescerdes na terra, naqueles dias, diz Jeová, não dirão mais: A arca da aliança de Jeová! nem lhes virá ela ao pensamento, nem dela se lembrarão; não a visitarão, nem será ela restabelecida.
  17. Naquele tempo chamarão a Jerusalém o trono de Jeová; nela se reunirão todas as nações, em nome de Jeová, e não andarão mais após a obstinação do seu coração maligno.
  18. Naqueles dias a casa de Judá andará com a casa de Israel, e virão juntamente da terra do norte para a terra que dei em herança a vossos pais.
  19. Mas eu disse: Como te porei entre os filhos, e te darei a terra desejável, a mais formosa herança das nações? Eu disse: Chamar-me-eis: Meu pai; e não vos desviarei de me seguirdes.
  20. Deveras do modo que a mulher se aparta aleivosamente do seu companheiro, assim aleivosamente te houveste comigo, ó casa de Israel, diz Jeová.
  21. Uma voz se ouve nos altos escalvados, o choro e as súplicas dos filhos de Israel; porque perverteram o seu caminho, esqueceram-se de Jeová seu Deus.
  22. Voltai, filhos apóstatas, eu curarei as vossas apostasias. Eis que somos vindos ter contigo, porque tu és Jeová nosso Deus.
  23. Na verdade em vão é o som que vem dos outeiros, e o tumulto nas montanhas; na verdade em Jeová nosso Deus está a salvação de Israel.
  24. Mas a coisa vergonhosa devorou o trabalho de nossos pais desde a nossa mocidade: os seus rebanhos e os seus gados, seus filhos e suas filhas.
  25. Deitemo-nos em nossa vergonha, e cubra-nos a nossa confusão, porque temos pecado contra Jeová nosso Deus, nós e nossos pais, desde a nossa mocidade até o dia de hoje; e não obedecemos à voz de Jeová nosso Deus.

<<Anterior  <<                                                                                                                   >>  Próximo >>

Publicidade



Biblia Online Jeremias Capítulo 3
Jeremias Capítulo 3

Características de:

Jeremias Capítulo 3

  • Jeremias: Pelo significado bíblico é "Sublime é Deus". Em Hebraico escrevesse "יִרְמְיָהוּ, Yirməyāhū ou Yirmeyahu" e em Latim escrevesse "Hieremias".
  • Escrito por: Jeremias o Profeta, no período aproximado entre 627 - 580 a.C.
  • Personagens: Jeremias, o próprio Deus e todo o povo de Judá.
  • Local do Acontecimentos: Estudos indicam que tudo aconteceu nas terras de Judá.
  • Pontos Principais: O livro de Jeremias foi escrito para demonstrar através das verdades contidas neste livro que da mesma forma que Deus fez ao povo de Judá naquela época Ele também pode fazer hoje. Deus revela através do profeta Jeremias que o povo estava totalmente em pecado e afastado das vontades de Deus, mas que pelo grande amor que Deus  tem pelo povo Ele deseja que o povo arrependa-se  e volte a ter comunhão com Ele, e com isso Ele usa Jeremias para profetizar coisas que Deus cumpri no meio do povo para lembrar-los de que Deus é o soberano e ama muito eles.
  • Curiosidade: Temos registrado no livro de Jeremias diversas profecias que foram direcionadas por Deus ao povo de Judá e a outras nações daquela época e grande parte dessas profecias Deus as fez cumprir antes mesmo da morte de Jeremias.

Em breve mais informações de Jeremias capítulo 3:

Publicidade