Salmos Capítulo 72

  1     2   3    4     5    6    7     8    9  10   11   12  13   14  15 

16  17   18  19  20  21  22  23  24  25  26  27  28  29  30

31  32  33  34  35  36  37  38  39  40  41  42  43  44  45 

46 47  48  49  50  51  52  53  54  55  56  57  58  59  60

61  62  63  64  65  66  67  68  69  70  71  72  73  74  75

76  77  78  79  80  81  82  83  84  85  86  87  88  89  90

91  92  93  94  95  96  97  98  99 100 101 102 103 104 105

106 107 108 109 110 111 112 113 114  115 116 117 118 119 120

121 122 123 124 125 126 127 128 129 130 131 132 133 134 135

136 137 138 139 140 141 142 143 144 145 146 147 148 149 150 

Salmos Capítulo 72 - (Sl)

  1. Concede, ó Deus, os teus juízos ao rei, E a tua justiça ao filho do rei.
  2. Que ele governe com retidão o teu povo, E com eqüidade aos teus aflitos.
  3. Os montes e os outeiros, em justiça, Produzam paz para o povo.
  4. Julgue ele os aflitos do povo, Salve os filhos dos necessitados, E esmague ao opressor.
  5. Temam-te enquanto existir o sol, E enquanto durar a lua por todas as gerações.
  6. Seja ele como chuva que desce sobre o prado, Como chuveiros que regam a terra.
  7. Floresça em seus dias o justo, E abundância de paz, até que não haja mais lua.
  8. Domine ele também de mar a mar, E desde o Rio até os confins da terra.
  9. Curvem-se diante dele os que habitam no deserto, E lambam o pó os seus inimigos.
  10. Paguem tributo os reis de Társis e das ilhas, Ofereçam donativos os reis de Sabá e de Seba.
  11. Prostrem-se diante dele todos os reis, Sirvam-no todas as nações.
  12. Pois livrará ao necessitado quando clamar, E ao aflito quando não houver quem lhe acuda.
  13. Terá piedade do fraco e do necessitado, E salvará as almas dos indigentes.
  14. Remirá as suas almas da opressão e da violência, E precioso será aos seus olhos o sangue deles.
  15. Viva o rei! e que lhe dêem do ouro de Seba; Roguem por ele continuamente, E bendigam-no em todo o tempo.
  16. Haja na terra abundância de trigo até o cume dos montes: Ondule o seu fruto como o Líbano; E da cidade brote a gente como erva da terra. Permaneça o seu nome para sempre:
  17. Haja descendentes do seu nome enquanto durar o sol; Nele se bendigam todas as nações, e proclamem feliz.
  18. Bendito seja Deus Jeová, Deus de Israel, O único que faz maravilhas.
  19. Seja bendito o seu glorioso nome para sempre, Encha-se da sua glória a terra toda. Amém e Amém.
  20. Acabam-se as orações de Davi, filho de Jessé.

<<Anterior  <<                                                                                                                   >>  Próximo >>

Publicidade



Biblia Online Salmos Capítulo 72
Salmos Capítulo 72

Características de:

Salmos Capítulo 72

  • Salmos: em Hebraico significa:"Louvores" que vem da palavra Tehillim, em Grego significa "Cânticos" que vem da palavra Psalmoi.
  • Escrito por: Salmos tem vários autores sendo os principais: Davi, Asafe, Salomão e os descendentes do Corá, isto no período aproximado entre 1440 - 580 a.C.
  • Personagens: Asafe, Davi, Salomão,os descendentes do Corá, Hemã, Etã, Moisés, e o povo de Israel.
  • Local do Acontecimentos: São vários registros de acontecimentos históricos em diversas regiões.
  • Pontos Principais: Salmos foi escrito por autores cheios do espírito santo e com total intimidade com Deus, e isso pode ser expresso através de suas orações e louvores a Deus nos momentos em que eles tiveram de: Fé, Amor, Medo, Ansiedade, Clamores, Busca de Cura Interior, Livramento e demais aspectos relacionados a vida humana.
  • Curiosidade: Segundo estudos realizados no livro dos Salmos é possível destacar que este livro é composto por cinco livros menores que juntos formaram o livro de Salmos (um com 41 capítulo, outro com 31, 17, 17 e 44 respectivamente). Dentre estes livros temos Davi com autor de  73 capítulos, Salomão 2, Asafe 12, Hemã 1, Etã 1, Moisés 1, os descendentes de Corá 9 e os outros 51 capítulos foram escritos por outros autores não identificados que viviam naquela época.

Em breve mais informações de Salmos capítulo 72:

Publicidade